Relógio carbônico

Blog monitorado

Monitoramento de terremotos

Image and video hosting by TinyPic

O sol hoje! clique aqui.

sun

Clique e veja a lua

moon

Clique e veja nosso planeta.

eart

Tempo

OBA

TRADUTOR

Arquivo do Blog

Parceria

QUÍMICA PERIÓDICA

EDUCADORES MULTIPLICADORES

E se a Terra também tivesse anéis como Saturno?


De todos os planetas do Sistema Solar, Saturno é sem dúvida um dos mais belos. Com seu enorme conjunto de anéis orbitando o disco planetário, o gigante gasoso proporciona um verdadeiro espetáculo celeste, até mesmo quando visto com modestos telescópios. Imaginar como seria o céu de Saturno visto por um hipotético observador não é muito difícil, mas e se a Terra também tivesse seu conjunto de anéis? Como seria o nosso céu?
Recentemente, um interessante vídeo postado na internet tenta simular essa paisagem ao apresentar o céu terrestre visto de diversas localidades diferentes. A animação foi feita pelo artista espanhol Roy Prol, que alinhou os hipotéticos anéis com o equador terrestre e deu uma verdadeira volta ao mundo respeitando as latitudes e longitudes de cada localidade. O resultado é uma verdadeira obra de arte e um convite ao relaxamento.


Belas Paisagens

Devido à inclinação zero, nas cidades próximas ao equador - como Quito - os anéis aparecem como um fino traço, totalmente perpendiculares em relação ao horizonte. Por outro lado, nas cidades situadas em latitudes mais elevadas o conjunto anelar se torna muito maior, além de se localizar mais próximo ao horizonte, como na cidade de Malmo, na Suécia.

Durante a Noite
Da mesma forma que nossa Lua reflete os raios solares e pode ser vista durante a noite, os anéis terrestres também podem ser observados contra o céu escuro noturno, proporcionando cenas verdadeiramente deslumbrantes em algumas regiões. Em plena noite nova-iorquina os anéis são um espetáculo à parte. Em Ayers Rock, na Austrália, a composição ganha ainda mais vida quando os gigantescos anéis emolduram a Lua cheia a meia-altura. Em Kuala Lumpur, na Malásia, as torres Petronas com 452 metros de altura parecem tentar tocar os distantes anéis orbitais.

Em Teerã, na capital do Irã, o sistema de discos é visto à noite ao fundo do monumento Shayad, criado em 1971 para comemorar os 2500 anos da criação do Império Persa. Uma verdadeira obra de arte.

Paris, Rio de Janeiro, Madri, Colônia. Diversas cidades desfilam suas típicas paisagens, sempre tendo ao fundo o imponente anel terrestre, que apesar de ser apenas uma obra de ficção, não deixa de encantar pelo bom gosto e excelente exercício de imaginação.



Fonte: Apollo11.com

0 comentários:

ENVIE UM EMAIL PARA O BLOG CIÊNCIAS AQUI!!!

Quem sou eu

Minha foto

Sou professor da rede privada de ensino lecionando as disciplinas Física, Química, Matemática e Ciências no COLÉGIO EFETIVO/MARTINS - RN. Graduado em Ciências com habilitação em Matemática - Licenciatura Plena - pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte - UERN -, graduado em Física - Licenciatura Plena - pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN. Professor de Física aplicada a radiologia, física aplicada ao petróleo e gás e Desenho técnico de cursos técnicos ministrados pela CENPE cursos, unidade Patu RN

Postagens populares

Seguidores